sábado, 29 de janeiro de 2011

Cosmo (I)


Nascemos do ventre da mãe...

Elas nasceram no ventre da mãe delas...

Mas e onde começou a vida?

Pergunto-me sobre o universo...

Tão grande...

Mas tambem pequeno...

Foi nele onde nascemos...

Foi também nele que muito morreram...

Nele vemos coisas imagináveis...

Nele vamos ver a morte

Também o fim...

E o começo novamente.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Neve (I)



Branca...

Limpa...

Fria...

Brilhante...

Única...

Não tem com o que reclamar dela...

Aconchegante...

Parece que são filhos da lua...

Caem e se unem no chão...

Um tapete únicor...

Branca...

Será o que o procuramos a paz?

Branca...

Sempre...

Música (II)



Energia...

Balada...

No ouvido mesmo...

Todos gostam...

Todos curtem...

Pop

Rock

Tecno

Eletro

Não importa!

Musica é pra todos...

No mundo todo!

Harder Better Faster Stronger



Não importa o quão ser...

Corra

Melhore

Vença

Lute

Conquiste

Pense

Consulte

Brigue

Treine

Alcance

Forte

Melhor

Rápido

Quente

Frio

Cheio

Vazio

Lute

Chegue

Mais que tudo...

Mais que uma maquina...

Conquiste!

Vença seus desafios...

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Mãe


O ser humano recebe o seu primeiro amor quando nasce...

Da mãe vem o carinho e a felicidade...

Nem mesmo cansaço dos 9 meses fez com que ela deixasse de amar...

Seu toque...

O cuidado...

O leite...

O aconchego...

O olhar...

As lagrimas...

As broncas...

As duvidas...

Os desafios...

As lutas...

Mãe sempre foi o nosso primeiro amor não há duvida...

Mãe sempre é eterna...

Pegadas (II)


Andar...

Sempre olhar pra frente

Nunca desistir...

Falar é fácil...

Mas até fazer também pode ser fácil...

Não precisamos estar artificialmente preparados para tudo...

Já nascemos fracos para morremos fortes...

O caminho, a vida pode ser feita nas pegadas deixadas...

Marcas que o tempo desgasta e limpa para que não haja volta...

Passos lentos, rápidos, pesados, leves, simples, com detalhes...

Olha a nossa volta...

Encontramos muitos...

Dezenas, centenas, milhares, milhões, bilhões, trilhões...

Eternas...

Sangue


Vermelho...

Limpo...

Brilhante...

Simples...

Cheio de significados...

Criado com um composto de ferrugem...

Hoje o sangue tem preferências

Nem precisa ser AB ou O-

Sangue mostra outra coisa...

Sangue mostra dor...

Sangue mostra realidade...

Sangue mostra o ser...

Sangue revela sentimentos...

Sangue realiza desejos...

Veja seu próprio sangue...

Veja você mesmo...

Seu mal... Seu bem... Sua luz... Suas trevas...

Sangue... Vermelho... Único...

Controle


Imagine-se sendo controlado...

Imagine ter um futuro já definido sem você perceber...

Imaginar que suas opiniões já são pré produzidas e analisadas por algo superior a você...

Imagine que cada passo, cada gesto, cada movimento, ate sua química corporal e aquilo que você pensa em chamar de amor...

Imagine tudo isso...

Imagine você ser realmente livre...

Impossível...

O destino já tem o controle de tudo...

Como eu sei... e você como sabe se é livre?

O universo não é criado do nada...

Sempre tem que ter algo do inicio...

Mas o antes do inicio?

Então pergunte ao destino!

Ele é mais velho que Deus e a Morte...luz e trevas...mas velho que tudo...

Desejo (I)



Quero olhar nos teus olhos

Quero sentir teu cheiro

Quero te deixar arrepiada

Quero sempre sonhar contigo

Quero sempre ver seu sorriso

Quero poder te ajudar nas horas difíceis

Quero poder te levantar quando cair

Quero poder acariciar tua pele

Quero poder te beijar

Quero poder te abraçar

Quero te deixar feliz sempre

Desejo-te

Quero-te

Sempre...

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Bicicleta



Toda tarde...

Na primeira vida

No momento familiar

Por esporte

Por saúde

Mas diversão

Felicidade

Bicicleta é sempre bom

Sem poluição...

Sem maldade

Criada pra felicidade...

Bicicleta é sempre bom...

Simples, mas divertida!

Sempre.

Asas (I)



Vendo gaivotas planando no céu

Vendo pássaros sendo livres no mundo

Mesmo assim, invejados, presos em gaiolas

Por seres invejosos que não tem asas

Anjos, bestas, demônios, animais

Sortudos tem asas por que desejaram por milênios serem livres

Voar, um sonho alcançável...

Desejar é poder

Usa o metal, o aço, o combustível

E artificialmente você consegue desejar voar...

Mas ao mesmo tempo não é eterno

Voar é para quem pode

Pode ter inveja, rancor, raiva, tristeza

Mas mesmo assim, somos inúteis,

Para quem tem asas...

Anjos... Os sortudos

Animais... Predestinados

Feras... Mutáveis

Humanos... Rejeitados

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Música (I)



Sentado em algum canto

No ônibus

Na praia

Na balada

Dormindo

Enfim... A música é eterna!

Desde L.A a Tokyo

Desde London a Sydney

Enfim, música é do mundo!

Música é pra todos!

Pegada (I)



Então?

O que?

Será que podemos?

Não sei

Então diga

Por que eu?

Quero que você confirme

Preciso?

Precisa (risos)

Por voz?

Talvez

Mas pode ser outra coisa

(risos)

Então me diga

Certo... Pergunto-lhe uma coisa! Como você me quis?

Bem, só teve uma coisa que gostei em você

Só uma???

Mas foi suficiente pra te amar

O que então? O que tenho que te conquistou?

Tua pegada!

Minha pegada? (risos) prove!

Veja como já estamos

... (risos altos)

O resto vocês já sabem!

Estrada



Inicialmente foi construída para transporte

Hoje além de transportar carga

Transporta sentimentos

É uma questão de tempo

Para atingir no que é chamado transcendência

Estrada para um lendário sonhador

É o mesmo que destino

Você pode sim fazer comparação do destino com estrada

Já que elas são infinitas e renovadas

Destruídas e atualizadas

Competitivas e solitárias

Estrada

Rua

Avenida

Tudo

Nada

Sempre

Assim mesmo

Estrada é única

Estrada também é vida

Solidão



No parque

Na praia

Na avenida

No shopping

Em qualquer lugar

Pra mim

Solidão é o melhor remédio para me fazer melhor

Não preciso de anjo

Não preciso de festa

Não preciso de falsas esperanças

Sozinho pra mim é bom ser feliz

Não precisa se feliz estando com o mundo

Basta você ser você mesmo

Assim como uma única estrela no universo

Prefiro estar na estrada andando sem rumo

Apenas estando feliz e registrando tudo que há de bom e de ruim

Pra depois decidir onde ficar nos últimos dias de vida

Solidão não é doença

Solidão não é loucura

Solidão é a inversão de união

Quem quiser ser só, pode ser só

Solidão é também bom

Little Star



Não se esqueça de quem você é pequena estrela

Lembre-se que mesmo pequena você é importante

Nesse céu infinito, você está ali para me fazer feliz

Lembre-se que seu pequeno brilho me faz feliz

Pequena estrela, little star, pequena... Mas para mim, única

Nunca se esqueça que você está ali pra me fazer feliz

Teu pequeno brilho na solidão do universo me anima little star

Lembre que você me faz feliz...

Repito sempre

Lembre do que você é little star...minha pequena inspiração, minha pequena alegria.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Lagrima



Quando você tem magoa das coisas, percebe que nenhum movimento fica voluntario, seus braços e pernas ficam trêmulos e seus olhos começam a apertar e sua visão se embaça e de repente... a lagrima...

Única;

Salgada;

Triste;

O que chora, não gosta que os outros não vêem a lagrima...

Mas os que entendem os sentimentos...

Percebem que a lagrima é o objeto mais puro que existe...

Sem ter para onde ir...

Ela cai no rosto...

E depois no chão...

Onde seca e libera tudo que foi consumido e absorvido...

E assim começa tudo de novo...

Mas quando percebe que são muitas lagrimas;

O sofrimento em si é maior...

Se já chorou, deve perceber que quando termina...

Você se sente mais limpo...

Mais leve, mas também se sente culpado de tudo que aconteceu...

Pra mim a lagrima representa um dos piores castigos que a humanidade tem, ela mostra o que realmente você sente e também releva o que acontece de verdade...

Mas às vezes, quando você está na praia sozinho como eu e começar a chorar e ver suas lagrimas se misturando com o mar...

Percebe que realmente a vida não presta...

Lembrança



Lembro que eu era um bebe

Lembro que eu era um pequeno ser

Lembro do primeiro andar

Lembro que eu era uma criança

Lembro do primeiro dengo

Lembro do meu primeiro amigo

Lembro do meu primeiro tombo

Lembro do meu primeiro arranhão

Lembro da primeira amiga

Lembro do primeiro abraço dela

Lembro do meu primeiro beijo

Lembro do meu primeiro não

Lembro do segundo, terceiro, quarto, quinto e assim até hoje

Lembro de todos os dias

Lembro de você

Lembro do seu sorriso

Lembro do seu cheiro

Lembro do seu “como assim fulana?”

Lembro das tuas manias de me fazer comer na tua casa

Lembro do teu medo com qualquer atividade paranormal

Lembro de você me vencer no Guitar Hero

E lembro-me do teu único selinho...

Lembro de tudo...

Mas não posso lembrar, é preciso esquecer pra viver...

Excitação


Deus proíbe de que você faça mal uso do seu corpo? Sim...

Então por que Deus quis que tivéssemos a excitação...

Pra os que não sabem, excitar não é só ficar com tesão de alguém

Mas é o desejo mais confundido por que nele se encontra a verdade necessidade de querer amar...

Mas também excitação é algo onde você tem uma felicidade que ultrapassa ate suas próprias emoções escondidas...

Ficar feliz ao máximo sem precisar ter tesão isso sim é também excitação...

Mas também excitação é desejo...

É necessidade...

É prazer...

É querer ter e não poder...

Pra que ter tudo sem que possa ter prazer com nada?

Excitar (risos) é normal como andar e chorar...

Excitar... alegre-se você não é o único!

Lua (I)



Uma esfera branca...

Uma alma solitária...

Única...

Sabia...

Eterna...

Mística...

Brilhante...

Linda...

Mas para sonhadores, para aqueles que querem solidão...

Para aqueles que querem pensar...

Ela é uma ótima amiga...

A lua faz com que nós choremos, faz com que nos elimine tudo aquilo que queremos dizer a muito tempo...

Acreditar nela não seria loucura...

Já que é ela que faz os mares crescerem ou diminuírem para que as nossas lagrimas desapareçam...

A lua que sorri...

A lua que brilha...

A lua oculta...

A lua do arco...

A lua que reflete no mar...

Linda...

Brilha sobre nós, iluminando nossos rostos, iluminando nossos olhares...

Ela...

Sempre será amada por todos.

Toque


Descobri que através de um simples toque

Pode ter variadas emoções e sensações

Frio...

Cócegas...

Calor...

Excitação...

Mas primeiro se deve definir o objetivo do toque;

Então...

O que seria um toque no rosto?

O que seria um toque no pescoço?

O que seria um toque no ombro?

O que seria um toque no coração?

O que pode ser...

Mas quando tem o toque...

Com certeza...

Entendo que com certeza...

Tem um toque especial como na cozinha...

Um tempero mágico...

Que hilário...

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Amor (I)



Realmente não sei pra que foi criado esse sentimento conhecido como amor

Seria para nós amarmos e depois percebemos que não adiantou de nada

Perdemos tempo com uma ilusão?

Será que foi feito para que o humano sofresse?

Será que foi feito pra que apenas os mais fortes pudessem sobreviver?

Às vezes me pergunto o porquê de apaixonar perdidamente por alguém...

Sempre tento descobrir por que eu também fui vitima desse destruidor de sentimentos e de realidade;

Hoje percebo que não adianta está apaixonado e tentar de tudo pra conseguir algo...

Precisa-se de que o seu amor possa aceitar com toda a verdade do mundo;

Acredita no que se possa ver com a realidade... O drama vivido... Não querer mais sofrer, mas sem entender o porquê do não existir nesse caso?

Por que então as pessoas dizem que amor é bom...

Por que te dizem que o tempo é o melhor remédio, mas sim o pior sofrimento que existe?

Por que então falam que você é doido por que prefere a solidão que as pessoas?

Por que então... Por que então existe o que chama de amor?

Um vidro que precisa ser quebrado na coexistência de algo indestrutível, mas possível...

E por que gostamos mais da chuva, do nublado... Do sozinho... Do mar agitado...

Apenas um toque é possível que piore as coisas, apenas um toque na boca macia daquela garota que você ama pode lhe destruir...

Não digo que todos devem por obrigação amar aqueles que te amam...

Mas devemos pelo menos ter um pouco de compaixão...

Tentar dizer, ou fazer algo melhor que um “não”

Como diz a música de Pitty... “O fracasso me subiu a cabeça”

É pra mim o que sempre digo que sou um fracasso...

É pra mim o que acontece com a lua e sol no horizonte... Nunca se encontram...

Amor... O que isso??? O que fiz pra conhecer você e ser destruído no momento em que lhe experimento??

Talvez...

Não sei...

Prefiro nem saber...

Pode ate ser...

Quem sabe...

É melhor acabar com a vida mesmo...